O Altar Pagão, junto ao Bosque Sagrado
Em Via Ca' Gamba, 7^Traversa, 3B
em Jesolo - Veneza
Foi oficialmente registrado como sendo um
"LUGAR DE CULTO"

Traduzido por Dante Lioi Filho

Vide os argumentos acerca do Bosque Sacro - Veneza

Nós, como Pagãos Politeístas, nas nossas diversidades e organizados na Federação Pagã, reacendemos os Fogos Sagrados sobre o Altar pagão do Bosque Sagrado em Jesolo - Veneza.

Agora o Altar Pagão é reconhecido como um Lugar de Culto.

Trata-se de um outro documento Institucional que contribui para enriquecer a documentação do nascimento oficial da Religião Pagã na Itália, com o seu direito de reivindicar o seu espaço particular apropriado às suas ideias religiosas.

Com esta mudança designada ao uso da área há a concessão ao Altar Pagão junto ao Bosque Sacro em Jesolo - Veneza, também o registro classificando a área como incluída na categoria E/7 "Edificado para a prática de cultos".

A comunicação chegou há pouco ao Flámine (Sacerdote) do Bosque Sacro com a data de 30 de abril de 2009.

Formalmente, a área pertencente ao Altar Pagão, aonde acendemos o Fogo Sagrado e invocamos os Deuses para que participem do rito, é rigorosamente o Lugar de Culto da Religião Pagã.

O fogo sagrado dos ritos Pagãos

O Bosque Sacro visto do Altar Pagão no verão

 

O Fogo Sagrado dos ritos Pagãos é ateado em cada ritual.

Simboliza a expansão, mas também o Conhecimento, o nascimento e a transformação do hodierno humano.

O Bosque representa a infinidade das estratégias em direção ao Conhecimento elaboradas pela Mãe Natureza no decorrer das centenas de milhões de anos da sua existência.

O fogo representa o vir a ser e as divindades.

Representa a Consciência de cada Ser e as transformações importantes das Consciências de cada Ser da Natureza.

Na sociedade Italiana representa a Constituição da República onde os direitos dos cidadãos constituem os deveres das instituições. O Fogo simboliza a vontade de existir de cada vida nas suas contradições.

Um momento dos Ritos Pagãos

A vereda que se estende pelo Bosque Sagrado

Eis o documento que reconhece o lugar para culto

O documento.

Os Pagãos Politeístas pertencem a esta sociedade e nesta sociedade, com estas regras, vivem e agem.

Sabemos que, com frequência, as regras sociais se rebaixam por meio da violência que está a serviço de morais externas e contrárias à Constituição da República.

A sociedade solicita-nos andamentos para legitimar a Religião Pagã, e essas caminhadas nós daremos.

E, assim procederemos, conscientes de que com esses passos a sociedade se beneficiará somente nas futuras gerações, e não a nós que estamos sacrificando a nossa vida para construir as possibilidades de liberdade desta sociedade.

 

Imagens dos ritos Pagãos junto ao Bosque Sacro

 

Nós reativamos os Fogos Sagrados de todas as Antigas Religiões que precederam ao cristianismo.

Assim o fizemos como a Consciência de que os Antigos Deuses nada têm a ver nem com a forma, nem com a moral, nem com a ética do deus dos cristãos, nem tampouco com aquilo que os cristãos venderam no decorrer da História e desejaram emprestar esse comércio aos antigos Deuses.

Nós reativamos os Fogos Sagrados porquê nós conversamos com os Deuses; porquê penetramos a Natureza dos Deuses; porquê nós conhecemos o infinito da realidade depois da morte do corpo físico.

 

Imagens dos ritos Pagãos junto ao Bosque Sacro

O Bosque Sacro em Jesolo é o primeiro lugar de culto da Religião Pagã na Itália, e o primeiro Templo aberto novamente depois da carnificina praticada contra os Pagãos, executada pelos cristãos católicos.

 

Aqui você pode encontrar a versão original em italiano

A tradução foi publicada 28 de outubro de 2016

Claudio Simeoni

Mecânico

Aprendiz a Bruxo

Guardião do Anticristo

Tel. 3277862784

e-mail: claudiosimeoni@libero.it

 

A Religião Pagã se constrói com as ideias surgidas pelo fato de habitar-se o mundo